ESPECIALIZAÇÃO MÉDICA SUÍÇA: MAIORCA, ZURIQUE, LONDRES, OFFSHORE

8 Minutos

Clinicamente editado e revisado por THE BALANCE Esquadrão
Fato verificado

O psiquismo humano é uma ciência quase oculta tal é a diversidade do espetro mental. A ciência que estuda a mente humana percebe e comprova, a cada passo dianteiro, que o psíquico pode controlar em absoluto as reações físicas, e todo o tipo de patologias somáticas presente no homem.

O que é saúde mental?

Hoje a psiconeuroimunologia ajuda-nos a perceber o quão interligadas estão as emoções das reações físicas e sistema imunitário do corpo humano. Sabemos estarem indissociádas. Mas há ainda muito para descobrir sobre o poder da mente humana!

O sistema nervoso tem a capacidade de afetar a tensão arterial, doenças cardíacas, lesões de articulação ou mesmo libertação de hormonas e alterações nas ondas cerebrais. Para além destes fenómenos pode igualmente ocorrer a cura espontânea de graves doenças (consideradas incuráveis) e tudo isto sem que a ciência consiga explicar a causa dessa reação. Hoje sabemos que a saúde humana condiciona todo o bom funcionamento do corpo humano.

“A saúde mental do adulto conquista-se na infância e adolescência; (…) a saúde mental do bebé, da criança e do jovem é o arquétipo, o gérmen e o protótipo da saúde mental do adulto.”

Coimbra de Matos (2012) in “Saúde mental infanto juvenil e sociedade contemporânea”.

  • Exercício físico

Está comprovado que a prática de exercício físico melhora a qualidade de vida da pessoa. Muitos são os benefícios – tanto a nível físico como mental. Incrementar a prática regular de exercício físico ou da simples caminhada diária ou semanal aumenta a esperança de vida e reduz drásticamente a presença de doenças – tanto físicas como mentais.

  • Sono adequado

Sabemos que os distúrbios do sono podem prejudicar enormemente o indivíduo e fragilizá-lo, retirando-lhe a capacidade para a resolução de conflitos e situações de stress no dia a dia.

Promover bons hábitos de sono ou reaprender a restabelecer as horas de sono essenciais ao descanso adequado da mente, é essencial. Existem muitas técnicas que o poderão ajudar a recuperar o bom sono – mas muitas vezes acompanhadas de terapia profunda. A vantagem é que, uma vez alcançado, permanece connosco para sempre. É como um caminho que já não se desaprende.

  • Voluntariado e ajuda ao próximo

Estudos sociológicos demonstram que estabelecer contactos com outras pessoas através da doação e dedicação de tempo e meios para contribuir para a melhoria de vida dos demais, pode melhorar o estado emocional e psíquico de quem o pratica.

Um estudo patente no portal da “research gate” analisou os benefícios do voluntariado comprovando que estabelecer relações de cooperação funciona não apenas como um bem e serviço prestado ao necessitado mas também como um forte impulsionador de bem-estar pessoal a quem o pratica.

  • Técnicas de auto relaxamento em situações de stress

Está comprovado que as terapias de autorelaxamento aumentam a capacidade do indivíduo para lidar com situações de conflito. Por exemplo, a ciência já conseguiu concluir que a prática regular de Yoga ajuda a reduzir o nível de stress, ansiedade e propensão para a depressão.

  • Reprogramação mental positiva

Mediante o tipo de trauma que lesou a saúde mental da pessoa, pode ser necessário trabalhar uma reeducação mental numa tentativa de reprogramação do cérebro, sempre em sintonia com o paciente, por forma a criar novos padrões de pensamento – mais benéficos e saudáveis.

Por exemplo, uma pessoa que esteja atualmente a sofrer os efeitos nefastos do transtorno obsessivo compulsivo (TOC,OCD) ou que sofra de uma grave dependência química pode beneficiar de um tratamento por estimulação magnética trasncraniana (EMT, TMS) para tentar ultrapassar o ciclo mental em que se vê enclausurada. Nestes casos, a psicoterapia desse complementar o tratamento.

Tal como vimos, um bom estado de saúde mental pressupõe que sejamos capazes de estabelecer boas conexões cognitivas com todo e qualquer estímulo exterior que o nosso cérebro receba.

E sempre que o nosso nível de estabilidade mental está comprometido, deixamos de saber reagir de forma saudável ao mundo exterior, e seus inerentes desafios.

Alguns factores de risco para a saúde mental podem ser:

  • Ambiente familiar, social ou laboral difícil

Sabemos que o ser humano é um ser social. Como tal, estamos inseridos numa sociedade que exige de nós a nossa intervenção e colaboração. No entanto, nem sempre obtemos desta sociedade estímulos positivos – na verdade, somos sujeitos a situações stressantes e desgastantes a maior parte do tempo. Se não formos indivíduos mentamente saudáveis, e estruturalmente resilientes, seremos facilmente derrotados pelos desafios externos.

  • Infância traumatizante

Tal como temos vindo a analisar noutros artigos, um trauma de infância pode deixar sequelas por muitos anos. Não raro, são mazelas que nos acompanham para o resto da vida se não forem tratadas e digeridas através de terapias da psicologia positiva. Este pode ser um fator de risco para uma pobre saúde mental, e deve ser sujeito a psicoterapia o mais precocemente possível.

  • Natureza biopsíquica do indivíduo frágil

Sabemos que cada pessoa é uma pessoa, e que cada um responde ao trauma de forma muito pessoal. A natureza e biogénese da pessoa tanto pode ser forte e resiliente como fraca e bastante susceptível ao meio ambiente.

Aquilo que prejudica um indivíduo nao prejudica necessariamente o outro, e vice versa. Por isso devemos trabalhar o autoconhecimento para perceber, o quanto antes, aquilo que nos faz bem, e o que nos faz mal. Aquilo de que nos devemos afastar, e aquilo de que nos devemos aproximar.

  • Estilo de vida desadequado

Sabendo que a natureza biopsíquica de cada indivíduo é uma história irrepetível, devemos ter perceção do tipo de rotina e hábitos sociais que melhor se adequam às nossas capacidades e estrutura mental. Sabendo isto, evitamos adoptar estilos de vida que em nada beneficiam a nossa saúde física, mental, emocional e espiritual.

Por exemplo, o consumo de drogas, álcool e a contínua privação do sono podem prejudicar gravemente a saúde mental de determinados indivíduos. E na verdade, prejudicam qualquer indivíduo – mas uns serão mais resilientes do que outros. Seja como for, maus hábitos não ajudam e precisamos decidir por quanto tempo mais os queremos tolerar.

Muitas vezes, mesmo mantendo uma rotina de vida saudável, a nossa saúde mental e bem-estar podem ficar comprometidas devido aos inúmeros fatores externos a que estamos sujeitos ao longo das nossas vidas.

Outras vezes, a causa da nossa pobre saúde mental pode estar escondida e camuflada num passado que já tinhamos esquecido, e pensavamos não existir!

Seja qual for a razão, uma quebra na nossa saúde mental pode surgir em qualquer fase das nossas vidas e é comum despoletar crises de forma inesperada, ou inevitável – consoante o sofrimento a que estamos expostos. A importância da saúde mental é por isso inquestionável.

Na clínica de bem-estar Balance, de promoção e restabelecimento da saúde mental, trabalhamos com cada pessoa de forma individualizada e com uma abordagem holística. Entre muitas outras avaliações de análise bioquímica e nutricional, podemos oferecer serviços de reabilitação complementares, tais como:

  • Biofeedback
  • Mindfulness
  • Yoga, chikung ou taichi
  • Reprogramação mental, e treino mental
  • Psicoterapia individualizada
  • Terapia sistémica
  • Neurofeedback
  • Terapia com equinos
  • Acupunctura
  • Musicoterapia
  • Arte terapia
  • Fisioterapia
  • Massagens
  • Personal training

Qualidade de vida e saúde mental estão interligadas pois uma não existe sem a outra. São indissociáveis. O indivíduo precisa de usufruir de saúde mental para se considerar detentor de qualidade de vida.

Fugir de realidades como dependências químicas, situações de burnout, ansiedade e/ou depressão, distúrbios alimentares, perturbações do sono, dor crónica ou mesmo de stress pós traumático torna-se imperioso para conseguir manter um bom nível de saúde mental. Como se faz? Praticando bons hábitos de vida, e impondo-os em nome da nossa saúde mental e bem-estar.

Sem uma mente sã não é possível ter qualidade de vida – independentemente do estatuto social, das crenças culturais, identidade de género ou idade. Qualidade de vida e saúde mental significam a existência de uma coesão neuronal do indivíduo que lhe permitem estar em harmonia consigo mesmo.

As Nações Unidas deram-nos conta de que no último Dia Mundial da Saúde Mental (10 de Outubro 2022) existiam cerca de 1 bilhão de pessoas a viver com algum tipo de transtorno ou distúrbio mental em todo o mundo.

A saúde mental em Portugal viu recentemente alterada a legislação sobre saúde mental que vigorou nos últimos 20 anos. A proposta de lei reformou pressupostos base em direção a cuidados de saúde mental mais atentos e direcionados ao doente, enaltecendo e valorizando legalmente a importância da saúde mental.

Como sabemos, sempre que a nossa mente se encontra perturbada por qualquer problema, dilema ou questão de fundo que seja suficientemente alarmante, isso pode provocar a privação do sono, eliminar-nos a capacidade de sentirmos empatia com o mundo ou de conseguir estabelecer uma relação inter pessoal saudável.

Em muitas situações, a pessoa deixa de poder coordenar as horas do sono durante dias, semanas ou mesmo meses, colocando em risco a sua própria saúde, ou a própria vida. A nossa saúde mental e bem-estar estão totalmente interligadas e devemos, sempre que possível, cuidar e tratar a nossa mente – mesmo que isso implique mudanças de fundo nas nossas vidas, pois o maior benefício será o nosso bem-estar, a nossa saúde e alegria de viver.

FAQs

COMO A BALANÇA PODE AJUDAR

A Balance RehabClinic é uma provedora líder de tratamento de dependência de luxo e saúde mental para indivíduos ricos e suas famílias, oferecendo uma mistura de ciência inovadora e métodos holísticos com atendimento individualizado incomparável.

UM MÉTODO EXCLUSIVO

Um conceito bem-sucedido e comprovado com foco em causas subjacentes.
UM CLIENTE POR VEZ
ABORDAGEM DURADOURADA PERSONALIZADA
RESTAURAÇÃO BIOQUÍMICA
MULTIDISCIPLINAR E HOLÍSTICO
TRATAMENTO BASEADO EM TECNOLOGIA
TERAPIA INFORMADA DE TRAUMA

ABORDAGEM DURADOURO

0 Antes

Enviar solicitação de admissão

0 Antes

Definir metas de tratamento

1 semana

Avaliações abrangentes e desintoxicação

1-4 semana

Terapia física e mental contínua

4 semana

Terapia Familiar

5-8 semana

Sessões de acompanhamento pós-tratamento

12+ semana

Visitas de atualização

Saúde Mental Percepções

últimas notícias e pesquisas sobre Saúde Mental
Atenção Plena
Mindfulness

Mindfulness (Atenção Plena) é uma prática mental de manter uma consciência sem julgamentos do momento presente, envolvendo atenção concentrada nos pensamentos, sentimentos e arredores

read more
Compulsão Alimentar e Ansiedade
Compulsão Alimentar e Ansiedade

read more
Fobia Social
Fobia Social

A fobia social, ou transtorno de ansiedade social (TAS), envolve um medo intenso ou ansiedade em relação a situações sociais em que os indivíduos podem ser examinados, julgados ou constrangidos pelos outros

read more
Transtorno de Compulsão Alimentar
Transtorno de Compulsão Alimentar

O TCA  é uma condição grave de saúde mental caracterizada por episódios recorrentes de compulsão alimentar, durante os quais o indivíduo consome uma quantidade anormalmente grande de alimentos em um período discreto

read more

Acreditações

 
NeuroCare
TAA
ssaamp
Somatic Experience
SMGP
SEMES
SFGU
WPA
red GDPS
pro mesotherapie
OGVT
AMF
NeuroCademy
MEG
institute de terapie neural
ifaf
FMH
EPA
EMDR
COPAO
COMIB
British Psychology Society
 

Media

 
Dazed
National World
American Banker
Marie Claire
BBC
La Nacion
Metro UK
General Anzeiger
Live Science
Woman & Home
Apartment Therapy
Express UK
Bloomberg
Cosmopolitan
Morgenpost
Manager Magazin
Entrepreneur ME
Khaleej Times
HighLife
Psychreg
DeluxeMallorca
BusinessInsider
ProSieben
Sat1
Focus
Taff
TechTimes
PsychologyToday
abcMallorca
LuxuryLife
Mirror UK
Mallorca Zeitung
Daily Mail
Guardian
Business Leader
Mallorca Magazin